• Gabi Bedinelli

Flow: Entenda o que você gosta




Dica: Essas são opções de práticas para a Parte 1: Expansão da autoconsciência.

Lembretes importantes:

- Se respeite, não se cobre ou tente aplicar tudo de uma vez. Entenda o que se encaixa em sua vida, rotina atual e suas preferências,

- Quando se identificar com alguma prática ou achar interessante, faça um compromisso com você mesmo para encaixá-la em sua rotina. Como seres humanos, somos seres de hábitos. Se não reforçarmos para nós mesmos a importância dessas ferramentas durante algumas semanas, não iremos mudar nosso dia a dia.

- Não há certo ou errado para nenhuma dessas práticas.

- Leia mais sobre as 4 partes no blog “Dicas e etapas que podem nos ajudar a refletir, olhar para dentro e nos conectar”



Você já ouviu falar sobre Flow?


O estado de Flow é quando suas habilidades estão em equilíbrio com os seus desafios. Você sabe exatamente o que precisa fazer e também conhece seu potencial para realizar aquela tarefa específica. Algumas características que você encontra nesse estado:

  • Quando faz uma atividade e fica completamente presente, focado no momento da ação. Horas parecem minutos e há vontade própria de fazer aquilo especificamente.

  • Sabe que é uma atividade possível de ser realizada e que suas competências são adequadas para a tarefa. Ou seja, não é nada muito mais difícil do que consegue fazer no momento, mas também não tão fácil que perde a graça rapidamente, fica monótono. É um equilíbrio.

  • Normalmente, é algo que há muita automotivação e a própria execução da atividade já traz realização. Não precisa aguardar os resultados para se sentir satisfeito.


E ai? Já veio alguma atividade à sua mente que te deixa em estado de Flow?


Refletir sobre esse tipo de atividade ajuda tanto no processo de autoconhecimento, quanto para sermos mais conscientes em nossas vidas, nos proporcionando mais momentos de plenitude e felicidade. Afinal, a felicidade é um estado de espírito, não é algo permanente e imutável. Precisamos buscar sempre os pequenos momentos, atividades, pessoas inspiradoras… que estão presentes em nosso dia a dia e trazem essa sensação boa, alegre, leve. Quanto mais dessas pequenas conquistas acumulamos em um dia, terminamos o dia considerando que foi um dia feliz. Quantos mais dias assim, temos semanas felizes. Quanto mais semanas, meses felizes. Até que terminamos um ciclo de um ano nos sentindo bem e gratos. Isso não significou que não tivemos baixos, preocupações, desilusões, tristezas… Só quer dizer que soubemos aproveitar os momentos de flow, as pessoas inspiradoras e a nossa jornada. Também soubemos utilizar os momentos mais duros para aprender e nos desenvolver, ao invés de ficarmos presos à eles.


Vamos começar então com uma atividade que está em nossas mãos para buscar cada vez mais desses anos em nossas vidas!


Primeiro, pense em momentos de flow (pintar, desenhar, tocar instrumento, criar, escrever, compor, apresentar, ensinar, compartilhar, aprender coisas novas…). Pode começar fazendo uma lista grande com todo tipo de ação que vem à mente quando pensa nas características listadas no início desse texto. Depois, tente priorizar a lista e colocar na ordem de importância das coisas que mais gosta de fazer.

Ao saber quais são os seus momentos de flow, tente repeti-los com mais frequência em sua rotina. Perceba em quais momentos do dia é melhor encaixá-los: antes ou depois de atividades que te tiram a energia e te trazem sentimentos como ansiedade, preocupação, tédio…

Mapeie durante uma semana (ou mais) quantos momentos de flow teve no dia. Eles estão superando os momentos mais difíceis da sua rotina?


Importante termos em mente que nós somos os únicos com poder para transformarmos nossos dias, semanas, meses e anos em felizes. Que não podemos seguir utilizando como desculpa nossas rotinas, trabalho, marido/esposa, filhos… para não termos momento de plenitude. Nós somos nossos próprios melhores amigos e devemos cuidar da pessoa que mais importa em nossas vidas: nós. Claro que temos que honrar nossas responsabilidades, mas não podemos nos deixar ser sugados por elas. Vamos fazer um compromisso com nós mesmos e buscar encaixar atividades de flow em nossos dias! Estaremos dando mais um passo para atingir o nosso principal objetivo nessa vida: sermos felizes :)


Gabi Bedinelli


#MaisProposito#Proposito#Autoconhecimento#OlharParaDentro#ExpansãoDaConsciência#Autoconsciência#Prática#Causas

Posts recentes

Ver tudo

O Tempo

Me peguei pensando muito ultimamente sobre a relatividade do tempo. Como é incrível que os minutos ou horas possam ter um significado tão diferentes, dependendo de cada situação. Quando estamos rindo

O que as inspirações querem nos dizer?

Assim como a intuição é nossa voz interior tentando mostrar o caminho certo para nós e para nossa verdade, as inspirações têm o mesmo objetivo e poder. No entanto, precisamos estar atentos e preparado

Redes Sociais
  • Instagram - Cinza Círculo
  • Facebook - círculo cinza
This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now